As 7 mudanças que acontecem em nossa vida quando começamos a viajar

Viajar vai além de simplesmente conhecer um destino, quando começamos a viajar provocamos uma série de mudanças em nós mesmos e na forma como encaramos o mundo a nossa volta; mudanças essas que muitas vezes até passam despercebidas.  

Confira agora as sete mudanças que acontecem em nossa vida quando começamos a viajar.

1. DESENVOLVIMENTO PESSOAL

Quem resolve cair no mundo, principalmente naquelas viagens que fogem um pouco dos destinos mais clichês, acaba batendo de frente com uma realidade que não é mostrada nas páginas de revistas. Vê-se forçado a realizar uma verdadeira imersão à cultura local, dormir em lugares simples e consumir alimentos que nunca se imaginou comendo. No fim, acaba percebendo que não é necessário luxo para ser feliz, volta para casa com uma visão de mundo totalmente diferente daquela que tinha quando saiu, pois aprendeu que o lado bom da vida não está naquilo que se pode comprar, mas sim na simplicidade e nas experiências vividas.

2. DESENVOLVIMENTO DA CONFIANÇA

Viagens nem sempre são um mar de tranquilidade, ainda mais para quem decide viajar sozinho, pois muitas vezes as coisas fogem do controle e é necessário ter muito jogo de cintura para contornar as situações. Por mais que na hora aquilo possa assustar, depois se percebe que tudo serviu para deixar o viajante uma pessoa ainda mais forte, capaz de encarar os problemas que a vida traz e que tem confiança suficiente para enfrentar qualquer obstáculo.  

3. DESENVOLVIMENTO DO RELACIONAMENTO COM AS PESSOAS

Um dos maiores benefícios de viajar é o contato com as pessoas, quando se está viajando passa-se a ter contato direto com uma multiplicidade de indivíduos, cada um com sua cultura, religião, sexualidade e educação. Quem viaja desenvolve um relacionamento interpessoal fantástico, algo que levará para o seu dia-a-dia inconscientemente. E, além disso, corre o “risco” de voltar da viagem com várias amizades.

4. ALÍVIO DO ESTRESSE

O mundo está cada vez mais corrido, são metas para bater no trabalho, família para cuidar, provas na faculdade, contas para pagar; uma série de preocupações que elevam o estresse para níveis patológicos. E uma das formas de se controlar isso é justamente com viagens, pois essas preocupações são deixadas de lado para curtir o momento.

Alguns estudos da área da neurociência apontam que existem dois “eus”, um chamado de eu projetivo, que é aquele que olha para o passado e para o futuro; e o eu experiencial, que é aquele que vive o instante, o agora. Viajar estimula justamente o eu experiencial e as pesquisas demonstram que quem aguça esse “eu” tem uma vida mais feliz e prazerosa.  

5. DESCONEXÃO

Hoje em dia parece impossível viver sem acessar constantemente as redes sociais, mas alguns lugares mais remotos o sinal de celular é praticamente inexistente; apesar de ser um pouco desconfortável no começo, se percebe que isso não é o fim do mundo. Mesmo em lugares que existe sinal de internet, muitos optam por deixar o aparelho no “modo avião” (o que ajuda a economizar bateria para poder utilizar a câmera por mais tempo) para se desapegar do mundo virtual e curtir o mundo real.

6. MUDANÇA DE ROTINA E DE VIDA

Viajar é o melhor remédio, muito mais que uma frase clichê, essa é uma realidade que se ouve constantemente de pessoas que decidiram mudar sua rotina e viajar mais. Não são poucos os relatos de pessoas que terminaram um relacionamento, que estão desconfortáveis com seu emprego ou até mesmo que estão com depressão, que encontraram nas viagens uma forma de esquecer todos os problemas.  

Casais também colhem muitos benefícios em viajarem juntos, principalmente quando a relação chega naquele ponto onde a rotina começa a sufocar a relação. Viajar reacende o romance porque o casal passa a ter novas experiências juntos, como se fosse um inicio de namoro.

Independente dos problemas, aos poucos todos vão sendo deixados de lado, as feridas vão sendo fechadas e no final a única coisa que fica na memória são as lembranças de todos os momentos vividos. Ao chegar nesse ponto, as pessoas percebem que sua rotina mudou, mudando positivamente as suas vidas também.

7. REALIZAÇÃO DOS SONHOS

Provavelmente todas as pessoas no mundo sonham em visitar algum destino em especial, quem corre atrás disso e conhece os lugares que deseja, tem um  sentimento indescritível, uma alegria que explode e que é até difícil de descrever. Existe sensação melhor que o prazer de realizar um sonho?

Esse tipo de sentimento alimenta e motiva as pessoas de um jeito incrível, talvez seja por isso que todos dizem que viajar é viciante (é mesmo!). Provavelmente esse seja um dos maiores segredos da vida, se todos tivessem coragem de cair na estrada, provavelmente teríamos um mundo melhor.

About the author

Uma pessoa apaixonada por aventuras, coordenador de viagens e membro do corpo de marketing da Trip Tri.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *